10 dicas pra você ter mais estilo- PT.1




Estes dias estava arrumando e reorganizando meu computador, faxina básica, pois meu notebook j]a estava demasido lento e no meio de trocentos documentos e arquivos eu achei estas 10 dicas para se ter mais estilo, que foram escrita pela Adriana Yoshida, editora de moda da revista Capricho. Resolvi dividir o post em partes porque ele ficaria imenso, e eu, assim como todos leitores de blogs do mundo sabemos que sempre dá aquela preguicinha básica de ler todo aquele post gigantesco.

1. Saiba quem você é!
Saber que seu estilo expressa a sua personalidade é só o começo. O próximo passo, bem mais difícil, é responder a esta pergunta: quem é você?
Definir exatamente a nossa personalidade pode ser uma tarefa árdua (e cara para quem passa anos na terapia), mas um bom jeito de começar é prestando atenção nos seus gostos.
Não estamos falando só do guarda roupa, mas da turma de amigos, da estante de livros e da prateleira de CDs. Por isso, fique de olho em como se vestem as pessoas que você admira, sejam escritoras, modelos, cantoras, atrizes ou amigas. Você não encontra nelas um pouco de inspiração?

2. Tenha repertório
Vestir-se é como escrever: se você não tem vocabulário, esqueça, não vai conseguir se expressar. Pode ter certeza de que aquela sua amiga muito estilosa está sempre de olho nas revistas (que mostram as peças da estação e o jeito novo de usá-las), na internet (alguns sites mostram a moda de rua de vários lugares do mundo, uma inspiração ótima). Uma referência e tanto para o mundo da moda são os filmes, e estes são alguns clássicos que você pode conferir:

Bonequinha de Luxo: A atriz Audrey Hepburn tornou o tubinho preto um clássico.
Abaixo o Amor: O figurino foi feito com base nos anos 60.
Hair: O estilo hippie.
Grease: Nos Tempos da Brilhantina - O melhor do estilo college anos 50.
Moulin Rouge: O filme se passa em um cabaré em Paris. Epartilhos maravilhosos.
Blade Runner: O visual cyberpunk dos anos 80 é referência até hoje.
Fama e Flash Dance: A febre das academias de dança dos anos 80.
Dolls: O figurino é do estilista japonês Yohji Yamamoto.
Barbarella: Roupas dos anos 60 inspiradas na viagem do homem à Lua.

3. Encare seu guarda-roupa e faça as compras certas!
Há gente que só tem estampa no armário, mas diz que adora tendências minimalistas. Assim, quando essa pessoa abre o guarda roupa acaba não achando nada que queira usar.
Para saber se você sofre desse mal, faça uma lista detalhada com tudo o que você gosta. Depois, pegue essa lista e vá até seu guarda-roupa. Tire o que restou da sua lista e anote o que você adora, mas não tem lá dentro. Outra coisa que ajuda: separe as peças que te vestem bem (que todo mundo elogia quando você usa) e olhe bem para elas: como é a modelagem? Por que você gosta tanto dela? Quando descobrir isso, poderá repetir a fórmula em peças novas.
Renovar o guarda roupa é ótimo, mas não precisa torrar uma grana toda vez que quiser algo novo. O ideal é guardar dinheiro para peças de que você gosta muito ou que sejam clássicas (não vão sair de moda tão cedo).
Já as coisas que são só uma onda podem ser compradas em lojas mais baratas. Afinal, tudo bem se a qualidade não for tão boa assim: elas vão sair de moda e você vai ter economizado para o que importa.

Esta primeira parte só tem 3 dicas porque mesmo assim o post ficou grandinho. 
O que acharam dessas dicas? Comente!



2 comentários:

  1. Eu acho que o principal e foco de tudo é conhecer a si mesmo e sua personalidades! :D
    Que venham as outras 7 dicas!
    beijos

    http://oicarolina.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. O primeiro passo também acho que é se conhecer, e gostar do que você é.

    Seguindo :*

    www.chitafilo.com

    ResponderExcluir

 

© Template Grátis por Cantinho do Blog. Quer um Exclusivo?Clique aqui e Encomende! - 2014. Todos os direitos reservados.Imagens Crédito: Valfré